COMPARTILHAR

As 10 profissões mais estressantes do mundo

Executivos, jornalistas, bombeiros… confira a lista com os trabalhos mais desgastantes.

O site CareerCast realiza um ranking anual no qual são avaliados os trabalhos mais estressantes dos EUA, e seus parâmetros são aplicáveis também a outros países ocidentais. A lista de 2017 acaba de ser divulgada, e estas são suas conclusões:

No 10º lugar, está o trabalho do apresentador de notícias, por causa de sua grande exposição pública e seus horários ditados pelo imediatismo das notícias.
No 9º lugar estão os taxistas, que lidam com o trânsito caótico e a pressão de seus passageiros.
No 8º estão os responsáveis por relações públicas, que são a cara das empresas e instituições e que costumam ser convocados para resolver situações de crise.
Sétimos na lista estão os executivos corporativos, que, apesar de seus lucros enormes, enfrentam uma grande dose de estresse.
O 6º lugar é dos jornalistas, que precisam gerenciar prazos muito curtos e cuja profissão possui níveis altíssimos de precariedade laboral.

No 5º lugar, encontramos os organizadores de eventos, encarregados de concretizar os pedidos mais extravagantes de seus clientes exigentes.
Na 4ª colocação estão os policiais, que não só enfrentam os perigos de sua profissão mas que estão em um meio de altíssimo nível de corrupção institucional.
No 3º lugar estão os pilotos de aviões, responsáveis pela segurança de todos os passageiros a bordo.
O 2º lugar é dos bombeiros, expostos constantemente a situações de alto risco de vida.

O 1º lugar é dos militares em serviço, que não só viajam constantemente mas que, muitas vezes, expõem suas vidas a ataques inimigos.


Fonte: Infobae
Comentários

Posts Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui