COMPARTILHAR

Jogos Vorazes da vida real, estupros e assassinatos serão permitidos

No novo reality show russo vale tudo pela sobrevivência, até praticar crimes!

A ideia é brutal: 30 participantes serão deixados no meio da selva siberiana sob temperaturas que variam de 35 graus no verão a 40 abaixo de zero no inverno. A missão é sobreviver à natureza selvagem por um período de nove meses.

E quando a gente fala “selvagem”, é selvagem para valer: vale agredir, roubar, estuprar e até matar os oponentes. “Não aceitaremos qualquer pedido de ajuda dos participantes, mesmo que eles estejam prestes a serem mortos ou estuprados. Está tudo no termo que eles vão assinar antes do show”, avisa o empreendedor russo Yevgeny Pyatkovsky, um dos idealizadores do programa.

Ou ganhador – aquele que sobreviver até o último momento –  leva 5,4 milhões de reais para casa.

As regras são do reality show russo Game 2: Winter, que deve estrear em julho de 2017. A organização espera selecionar 15 homens e 15 mulheres.

Para isso, cada participante terá que pagar uma taxa equivalente a 540 mil reais ou ser submetido à escolha popular. A ideia, segundo Pyatkovsky, é atrair gente endinheirada que não tenha medo de encarar uma aventura de vida ou morte.

Os participantes vão receber aulas de uma equipe de elite especializada em sobrevivência na selva e depois disso estarão por conta própria na mata fechada. Cada um pode levar até 100 quilos de equipamentos. Armas são proibidas.

O programa será transmitido 24 horas, 7 dias por semana. Não haverá equipe de filmagem. Cerca de 2 mil câmeras serão espalhadas por diversos pontos da mata e os próprios participantes usarão filmadoras portáteis.


Fonte: Siberian Times  e Game 2: Winter

Posts Relacionados