COMPARTILHAR

Mansão Holmes o Hotel para assassinatos e torturas

O primeiro serial killer dos EUA: sob a fachada de um hotel, ele criou um verdadeiro complexo de tortura.

Herman Webster Mudgett, mais conhecido como H.H. Holmes, é considerado o primeiro serial killer dos EUA. Depois de anos dando golpes, principalmente contra viúvas que se rendiam aos seus encantos, ele conseguiu reunir dinheiro suficiente para construir um verdadeiro castelo de horrores.

 

A construção da Mansão Holmes terminou em 1892, nas proximidades da Feira Mundial de Chicago, que abriria suas portas um ano depois, atraindo milhares de turistas. O local funcionou como um hotel por seis meses: o que os hóspedes não sabiam é que, por trás da fachada de luxo, se escondia uma verdadeira casa do terror, com passagens secretas, câmaras de tortura e um porão para despejar os cadáveres.

Holmes escolhia, entre suas vítimas, mulheres jovens e endinheiradas, que viajavam sem companhia. Embora no julgamento pelo qual passou em 1896 o assassino tenha confessado 57 crimes, os historiadores calculam que ele teria matado mais de 200 pessoas.

Holmes foi condenado pelo Tribunal da Filadélfia a morrer enforcado, mas algumas pessoas afirmam que ele conseguiu escapar do castigo e fugir para o Paraguai. O castelo foi demolido pouco depois do julgamento. Nos próximos meses o corpo enterrado sob seu nome será exumado a pedido de seus herdeiros.


Fonte: Infobae

Comentários

Posts Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui